Dúvidas Frequentes

Perguntas sobre lareiras ecológicas

  • A lareira ecológica é um equipamento que pode ser utilizado em ambientes internos como salas, quartos, escritórios, lojas, showrooms, desde que tenham ventilação suficiente para prover a renovação de oxigênio no local, e também em ambientes externos como varandas e jardins.

    No caso da instalação em áreas abertas, sujeitas a chuvas e intempéries, é necessário utilizar sempre a tampa externa que acompanha o produto , para evitar que a manta cerâmica interna do queimador fique encharcada de água e atrapalhe o bom funcionamento do produto.

  • Sim. A diferença entre uma lareira ecológica e uma lareira convencional é somente o tipo do combustível utilizado, pois ela utiliza álcool etílico (etanol) ao invés de lenha. Fora isto, as chamas resultantes são reais, com coloração azul/amarela.

  • As lareiras ecológicas não emanam fumaça. Por isto não há necessidade de dutos de exaustão ou chaminé.

  • Sim. O aquecimento é feito através da propagação do ar que vai sendo aquecido. Como não há necessidade do uso de chaminés, não há perda de calor. Entretanto, o aquecimento é mais lento do que o das lareiras convencionais e das lareiras a gás.
    No caso do uso em áreas externas, o produto será somente decorativo, pois o ar quente gerado, dissipa muito rapidamente quando em área aberta.

  • Não. Todo equipamento de aquecimento, utiliza o oxigênio do ar. Assim, é necessário promover uma renovação do ar no local, para que o oxigênio seja reposto. Nunca utilize nenhum sistema de aquecimento com o ambiente totalmente fechado.

  • A lareira ecológica deve ser abastecida com álcool etílico ( 92° ) líquido , derivado de cana-de-açúcar ou derivado de cereais, encontrados no comércio varejista, mais conhecido como etanol, ou com Fluídos desenvolvidos especialmente para uso em lareiras ecológicas.

  • Este não é o combustível ideal para as lareiras e queimadores ecológicos. Isto porque na queima do álcool gel, sobrará um resíduo final que não se queimará e que precisará ser limpo manualmente, após o resfriamento do queimador. Além disto, a manta cerâmica interna do queimador não absorve o gel, e com isto, a quantidade de combustível a ser colocado será bem menor que a capacidade total do reservatório. Consequentemente a quantidade de horas de queima será diminuída. Entretanto, consciente destas informações, caso ainda queira utilizar o álcool gel, deve-se optar pelo uso do álcool gel acendedor – 80 INPM, ou ainda o álcool gel 70 INPM . O acendimento será também um pouco mais lento, e ao final da queima, além da borra do gel, poderá ser exalado um pouco de odor, característico da queima do gel.

  • Enquanto a lareira está acesa, não há nenhum cheiro. Quando o fogo for extinto, ficará um pequeno odor, que será rapidamente dispersado, como quando se apaga uma vela.

  • Não, a queima do álcool etílico ou dos fluídos para lareiras gera vapor de água e dióxido de carbono em pequena quantidade, que não são prejudiciais à saúde. A geração de monóxido de carbono é insignificante.

  • O álcool etílico e os Fluídos para lareiras são líquidos inflamáveis. Seu armazenamento, manipulação e uso devem ser feitos de forma segura, a fim de evitar acidente.

  • O consumo do álcool etílico (etanol) e dos fluídos é semelhante. Enquanto houver combustível no queimador, haverá chama. Em média, 1 litro de álcool/ fluído dura 1,5 hora. Variações podem ocorrer, conforme a abertura deixada no queimador e também do fluxo de ar que tenha no local. Quanto maior o fluxo de ar e a abertura deixada no queimador, mais rápido o combustível é consumido, porque a chama é mais intensa.

    Nos queimadores cuja abertura de queima é maior (especialmente nos modelos 81cm, 101cm e 121cm ), como a exposição do combustível ao oxigênio do ambiente é maior, o combustível é consumido mais rapidamente. Nestes modelos, considerando-se o abastecimento total, o tempo de queima esperado é de 3 horas.

  • Isto depende do tamanho do queimador utilizado. Por exemplo, queimadores de 1,5 litros são suficientes para área de 20m². Existem queimadores de tamanhos variados para atender as mais diversas necessidades. Também é possível utilizar mais de um queimador no mesmo local.

  • O "queimador" é o coração das lareiras ecológicas. Ele é o recipiente onde o combustível é colocado. É construído em aço inoxidável. Possui um dispositivo de regulagem da chama, para que seja possível aumentar, diminuir, ou até mesmo extinguir a chama quando desejado.

  • As lareiras completas são fáceis de montar, e não necessitam de nenhuma instalação especial. Basta retirá-las da embalagem, encaixar o queimador e os vidros (nos modelos que tem vidros) nos espaços especificados e colocá-la no local desejado.

  • Sim. Basta adquirir somente o "queimador" e instalá-lo dentro do seu projeto. É necessário que o projeto seja feito tomando as devidas precauções com relação a isolamento e tipo de material usado, para evitar queima/ manchas nos materiais.

  • Sim, ainda que este tipo de lareira não necessite de chaminés. Neste caso, a válvula da chaminé deverá permanecer na posição "fechada", para evitar o escape do calor gerado.

  • O acendimento e a extinção da chama são procedimentos muito simples. Basta seguir as instruções constantes no manual que segue com o equipamento. Caso necessário, o manual está também disponível neste site.

  • A limpeza deve ser feita periodicamente com pano úmido e detergente. Nunca utilizar produtos químicos e abrasivos nas lareiras e nos queimadores, pois eles podem danificar permanentemente sua lareira e queimador. Com a utilização, é normal o surgimento de uma coloração amarelada no tampo do queimador, devido ao calor do fogo. Esta coloração não é ferrugem, não é defeito, e não altera em nada o funcionamento de sua lareira. Nunca mergulhe seu queimador na água, pois a manta ficará encharcada, impedindo o bom funcionamento do produto.